Jupiter recebe a taça de Melhor PMO de África

Por Equipa Jupiter News em

O dia 17 de Outubro de 2019 entrou para a história da Jupiter como a data em que a empresa foi oficialmente premiada como o Melhor PMO de África. A taça do PMO Global Awards, que reconhece o excelente trabalho que está a ser feito desde 2015 pelo Escritório de Projectos e Processos (EPP), foi recebida por Fernando Favini, Diretor de TI e Gerente do EPP, em Londres, na Inglaterra, durante o Future PMO, conferência que reuniu grandes nomes da Gestão de Projectos. O título de melhor PMO do Mundo, que a Jupiter estava a disputar contra os campeões das Américas, da Europa e de Ásia-Pacífico, foi outorgado ao banco Bradesco, do Brasil.

Fabrica de Software transmissão PMO Global Awards

Logo após a emocionante cerimónia – que a Jupiter transmitiu em directo pelo seu perfil no Instagram para os seguidores e à qual os colaboradores assistiram numa projecção especial na Fábrica de Software, em Luanda –, Favini relembrou a trajectória da empresa no PMO Global Awards, considerado a Copa do Mundo dos Escritórios de Projectos, quando a empresa disputou e venceu a regional africana contra “adversários” importantes de África do Sul e Nigéria, por exemplo.

“Queria aproveitar a oportunidade para agradecer a todos os colaboradores da Jupiter, pois sem a participação deles, nada disso teria acontecido. E à Direcção da empresa, que sempre nos apoiou em tudo que foi preciso. Esse prémio serve para nos incentivar ainda mais! Afinal, somos os melhores de África, um continente gigantesco e muito importante para a nossa empresa. Em 2020, com certeza, faremos ainda melhor”, disse Favini.  

Relembre a campanha da Jupiter

A disputa começou em Janeiro, quando a PMO Global Alliance, primeira comunidade com foco em Escritório de Gerenciamento de Projectos, recebeu centenas de inscrições de empresas de todo o planeta. Os trabalhos foram avaliados por um corpo de jurados que definiu o representante de cada País na competição. E a Jupiter foi a escolhida de Angola.  

Na sequência, começou a primeira fase do PMO Global Awards, quando equipas do mesmo continente são separadas em grupos. Por sorteio, calhou de Angola ficar no Grupo C, junto com LíbiaMarrocosÁfrica do Sul. Então ocorreram as primeiras partidas, “jogos” cujos “golos” resultam da análise de diversos critérios por parte dos jurados da competição.

O resultado não poderia ter sido melhor para a Jupiter: três vitórias, com 10 golos a favor e apenas 5 contra, na 1 fase, e vitórias também nas eliminatórias, contra Nigéria, Tunísia e, novamente, África do Sul! Com os resultados, em meados de Julho a Jupiter tornou-se a campeã africana de 2019 do PMO Global Awards.

 

 

O mesmo processo ocorreu nos demais continentes. Nas Américas, o vencedor foi o banco Bradesco. O Ministério do Trabalho, dos Assuntos Municipais e Planeamento Urbano do Bahrain foi eleito o melhor de Ásia-Pacífico. E a seguradora eslovena Triglav conquistou a regional européia. No dia 17 de Outubro, representantes de todos concorrentes reuniram-se no Novotel West London para saber quem seria escolhido o Melhor PMO do Mundo por mais de uma centena de jurados.

 

PMO Global Awards final